sexta, junho 01, 2018 14:08

Archive for the ‘Escócia’ Category

Wulver

domingo, Abril 12th, 2015

800px-Ajatar_Lindworm

 

O Wulver é uma criatura oriunda do folclore escocês. Segundo o folclore, seu habitat são as ilhas Shetland, situadas ao largo da costa nordeste da Escócia. Wulvers possuem uma aparência humanóide, porém sua cabeça é de um lobo e seu corpo é coberto por pelos castanho-escuros. Sua boca é cheia de dentes ou presas afiadas. Wulvers possuem inteligência semelhante à dos seres humanos e provavelmente eles também sejam mais fortes do que os humanos.

Por conta de sua aparência, Wulvers são geralmente confundidos com lobisomens, porém, a semelhança entre eles fica só na aparência. Ao contrário de um verdadeiro lobisomem, o Wulver não é um ser metamórfico, e de acordo com a maioria dos contos, nunca foi um ser humano. Os antigos celtas acreditavam que os Wulvers evoluíram dos lobos, e que simbolizavam a fase intermediária entre o lobo e o homem.

Wulvers são seres bondosos e pacíficos, e optam por viver reclusos em seu habitat, geralmente cavernas. Eles só costumam sair de suas cavernas para buscar alimentos ou outros itens necessários. Desde que não sejam perturbados, os Wulvers são inofensivos aos seres humanos. Algumas histórias contam que eles ajudam pessoas que se perdem nas florestas, guiando-as até uma aldeia próxima. Há ainda uma história onde eles deixam peixes nas janelas ou varandas das casas de famílias famintas. Caso seja atacado, um Wulver é rápido e forte o suficiente para matar um ser humano.

450px-Ajatar

Boinas Vermelhas

terça-feira, Janeiro 1st, 2013

strigoi_by_skorganizedchaos-d5jnhr7

 

Boina Vermelha (do inglês Redcap, também conhecido como PowrieDunter, Chapéu Sangrento, Barrete Vermelho) é uma criatura originária do folclore celta/escocês. Os Boinas Vermelhas são essencialmente uma espécie de anão, duende, fada ou elfo assassino, que habitam e assombram castelos ou torres arruinadas. São seres de baixa estatura, com pouco ou nenhum cabelo, dentes irregulares, garras afiadas, pele enrugada, olhos vermelhos, e às vezes tem barba. Eles usam botas de ferro, bastões pontiagudos e seus chapéus são embebidos com o sangue de suas vítimas (daí o seu nome).

 

Eles costumam habitar castelos ou ruínas com um passado obscuro (lugares assolados por guerras, fome, etc), e ficam à espreita de viajantes curiosos virem à sua ”casa” para matá-los. Para matar os intrusos, Boinas Vermelhas, muitas vezes, rolam pedras para esmagá-lo, ou simplesmente os rasgam com suas garras. Os Boinas Vermelhas bebem o sangue de suas vítimas, e tingem seus chapéus com o sangue delas. Se o sangue de sua boina secar, a maléfica criatura morre.
Um sinal de que um Boina Vermelha está por perto é ouvir um som estranho, semelhante ao moer de linho. O aumento repentino deste som é um sinal de morte ou infortúnio. É praticamente impossível correr de um Boina Vermelha, apesar deles usarem botas de ferro, que teoricamente deveriam deixá-los mais lentos. A única maneira de escapar de um Boina Vermelha é citar passagens bíblicas, o que fará com que a criatura sinta uma dor intensa e fuja.

A lenda de Robin Redcap

Robin Redcap é o mais famoso boina vermelha do folclore Inglês, um ser especialmente maléfico e o suposto familiar do infame Lorde William de Soulis. De acordo com as lendas locais, Robin Redcap, juntamente com seu mestre, foram responsáveis ​​por todo tipo de depravação e atos diabólicos. No entanto, Soulis, por todo o mal que operou, teve um fim muito horrível: ele foi levado ao Nine Stane Rigg, um círculo de pedras localizado a 2km do castelo Hermitage, onde ele foi envolto em chumbo e cozido até a morte em um grande caldeirão. Quanto ao próprio Robin Redcap, dizem ter desaparecido logo após a morte de seu mestre. Algumas versões afirmam que ele ainda pode ser visto no Castelo Hermitage, guardando seu tesouro.strigoi_by_skorganizedchaos-d5jnhr7